domingo, 3 de maio de 2015

Kurt Cobain: Montage of Heck

Quando a expectativa para ver algo é muito grande, corre-se o risco de uma desilusão...
A ansiedade para ver "Kurt Cobain: Montage of Heck" era gigante e havia o receio de não vir a ser nada de especial. Mas após ter visto este excelente documentário posso afirmar que foi dos melhores que já vi!


O filme de Brett Morgen, além de todo o seu conteúdo original, muito dele inédito, conta com uma edição de imagem e áudio excepcional.
Será melhor dizer primeiro que sou fã incondicional dos Nirvana e claro está, tudo o que se possa falar sobre a banda ou sobre o seu vocalista acaba sempre por me agradar.
Mas não se trata aqui de fanatismos, trata-se de mostrar, como nunca ainda tinha sido feito, Kurt Cobain na sua vida privada e no seio familiar.


Mesmo para quem pensava saber quase tudo sobre o artista irá encontrar pormenores desconhecidos e ver de perto a sua vida.
Não é um filme bonito e romantizado, é um filme um quanto ao tanto negro e perturbador.
Usando áudio original, vídeos caseiros, entrevistas aos familiares, desenhos e animação entramos um pouco na vida daquela que foi a maior estrela dos anos 90, quer quisesse quer não.
Músicas da banda e versões muito diferentes das mesmas ajudam na banda sonora que termina em apoteose com "Where did you sleep last night", cover de Leadbelly, aquando do concerto Unplugged da MTV.



Texto: Sofia Robert

like thump up facebook chat emoticonshttps://www.facebook.com/soumusica.pt

Sem comentários:

Enviar um comentário